DIB 2024

Dia Internacional do Burro | 08.05.24

No dia 8 de Maio celebramos o Dia Internacional do Burro (DIB), uma iniciativa que pretende promover a dignificação de todos os burros. Na Associação para o Estudo e Proteção do Gado Asinino (AEPGA) zelamos pelo bem-estar dos asininos, e destacamos o Burro de Miranda, uma raça autóctone portuguesa ameaçada de extinção, que contribuiu de forma determinante para a ruralidade, cultura e história de Portugal.

Sendo o burro um animal dócil e resiliente, estóico e sociável, tem assumido, ao longo dos anos, os mais diversos papéis na convivência com os seres humanos, desde a sua domesticação há 7.000 anos. De animal de companhia a parceiro de trabalho, terapeuta e até professor, são muitas as valências deste animal que, ao contrário da conotação que muitas vezes é dada ao seu nome, é de facto muito inteligente.

 
Honrando a parceria entre burros e seres humanos, queremos sensibilizar a sociedade para as Cinco Liberdades Básicas dos Animais que devemos garantir aos animais domésticos para lhes proporcionarmos uma vida feliz. Este ano, destacamos a Liberdade de Sofrimento.

A Liberdade de Sofrimento sublinha a importância de serem proporcionados cuidados médico-veterinários ao longo da vida de um animal. Esta Liberdade relembra que se deve dar prioridade à prevenção de problemas de saúde e actuar de forma célere nos estádios iniciais das patologias e lesões, para que o diagnóstico e tratamento sejam eficazes, diminuindo assim a probabilidade de sofrerem dor desnecessária ou desenvolverem doenças prolongadas.. A Liberdade de Sofrimento é uma das Cinco Liberdades Básicas dos Animais incluídas num relatório pioneiro de 1979, que tinha por objetivo promover as condições básicas do bem-estar animal, face à crescente industrialização da sua produção. Na atualidade, as Cinco Liberdades são as grandes linhas orientadoras do bem-estar animal e são adoptadas e subscritas pelas instituições com responsabilidade no cuidado animal.


Aprende mais sobre as Cinco Liberdades Básicas dos Animais, aqui, e descobre também sobre os Direitos dos Animais aqui.